img 20190214 wa0051

Com o objetivo de manter a sustentabilidade do Sindicato nas lutas e defesa dos direitos dos Oficiais Marceneiros de São Paulo, em assembleia realizada nos dia 13 e 14 de fevereiro, nas empresas Eucatex e Duratex, os trabalhadores autorizaram a renovação da Convenção Coletiva de Trabalho e o desconto do Custeio Sindical, para manutenção e sobrevivência da entidade.

Na ocasião, os trabalhadores presentes tiraram dúvidas sobre como é feita a distribuição do valor arrecadado com o tributo e tomaram conhecimento sobre a importância da manutenção do valor para a categoria, principalmente quem não é associado ao sindicato. Serviços na área da saúde, lazer, parcerias e apoio na área jurídica foram utilizados como exemplo.

Após a leitura do edital e as devidas explicações da necessidade do sindicato ter receita financeira para poder manter a estrutura de apoio e assistência à categoria, a aprovação foi unânime. “O trabalhador entendeu a importância desse valor para os serviços prestados, a contribuição vem para sustentar a luta pelos direitos da categoria e para garantir benefícios. Por isso, quando vocês garantem os recursos para darmos continuidade a esse trabalho, vocês fortalecem seus direitos e suas vozes”.
"A reforma trabalhista foi feita para cortar os nossos direitos. O principal ataque foi a tentativa de enfraquecer as entidades de trabalhadores, tirando a estrutura para tentar nos colocar de forma subalterna diante dos patrões. Vocês sabem que, às vezes, as pessoas chegam na empresa e quando recebem as propostas de benefícios, acham que isso é uma bondade das empresas. Não é! As empresas são obrigadas a oferecer esses benefícios porque nós conquistamos, porque Juntos, somos mais fortes", finalizou e agradeceu o presidente Arivonaldo Galdino.

img 20190214 wa0049

img 20190214 wa0055